quarta-feira, 7 de junho de 2017

Maxillaria ochroleuca

Mais uma floração abundante da Maxillaria  ochroleuca, que se destaca pelo seu maravilhoso perfume (que "inunda" toda a estufa),  pela elegância e pela delicadeza das suas flores. Embora, como todas as espécies deste género, apresente apenas uma flor por haste, a quantidade de flores é exuberante, formando tufos compactos.

Família: Orchidaceae      Género: Maxillaria     Espécie: ochroleuca





Habitat de origem: Espécie de médio porte que se desenvolve de forma epífita ou litófila, nas florestas de baixa ou média altitude, entre os 200 e os 1800 metros, no Brasil, no Equador, na Colômbia e na Venezuela.

Cultivo: Vaso médio em substrato para epífitas (casaca de pinheiro fina e média, argila expandida e perlite).
Está na estufa temperada/quente, em ambiente sombreado, bem ventilado e com alto teor de humidade.
Rego de forma a manter o substrato sempre húmido. Fertilizo uma a duas vezes por semana (Akerne Rain Mix). Suspenso as fertilizações no Inverno.

4 comentários: